27 de outubro de 2017

Tá. Conseguimos chegar em Jeri, nos hospedamos, e agora? O que fazer? Rsrs. Vou contar nesse post aqui para vocês algumas opções muito boas de passeios e restaurantes por lá!

Passeios

Caminhar pelas ruas de Jeri, já é um passeio por si só. As ruas são todas de areia, assim como os restaurantes. É muito bacana você estar sentado num restaurante chique da cidade, com o pé na areia já que não tem nada asfaltado por lá! Faz parte do encanto e do charme de Jeri.

Para realizar os passeios em Jeri, e conhecer os pontos turísticos, a maioria das pessoas alugam um buggy e contratam um guia para as levarem para os passeios. Outras acabam fechando os passeios com empresas que as levam de vans e excursões! Ambas opções são bem interessantes. A primeira te dá mais liberdade e flexibilidade de horários, pois o guia passa o dia com você, mas nesse caso você terá que pagar o valor do buggy e a diária do guia. A segunda opção é mais em conta, mas você fica preso aos horários do grupo.  

No nosso caso, como a gente estava com o carro alugado em Jeri, já que tínhamos contratado um guia para fazer a travessia para a gente (como contei nesse post), nós optamos por fechar um pacote com esse mesmo guia e fazer todos os passeios usando o nosso carro alugado. Fechamos com ele dois dias inteiros de passeio e o traslado da volta. Ficou algo em torno de R$500,00 que era mais ou menos o valor do aluguel do buggy.

Achei que valeu muito a pena!! Além disso, foi uma experiência muito engraçada e nova andar com um carro comum pelas dunas… Jamais imaginei que isso seria possível. O esquema era esse: ele murchava todos os pneus, deixando uma calibração baixíssima, e no final ele brincava que conseguia transformar um carro comum em um 4×4, rs… Assim, com isso, estávamos nós em Jeri andando com nosso Classic 1.0 nas Dunas ao lado de buggys que olhavam super assustados para a gente! rsrsrs. Foi bem engraçado! Eu tenho até hoje o contato do guia Bruno. Se alguém quiser, pode me mandar e-mail, ou direct no insta que eu passo!

Nesses dois dias de passeio ele nos levou para conhecer as mais famosas lagoas de Jeri: A lagoa do Paraíso e a Lagoa Azul. Elas são realmente incríveis. O verde misturado com o azul cristalino da água faz a lagoa parecer o mar do caribe. Nessas lagoas ficam as famosas redes na água em que você pode deitar para relaxar e tirar as fotos clássicas de quem vai a Jeri.

 

Além desse passeio, o nosso guia levou a gente para conhecer outros cartões postais de Jeri, como a Árvore da Preguiça, a Pedra Furada, a vila dos pescadores soterrada pelas dunas, passeio nos mangues secos e passeio para ver cavalos marinhos! Todos realmente valem muito a pena!

Nos dias “livres” nós tivemos a oportunidade de passar o dia relaxando e curtindo a praia principal de Jeri. Nós utilizamos a estrutura da Pousada do Capitão Thomaz no Bar e Restaurante Sol. Eles disponibilizam mesa, espreguiçadeiras com colchão, cadeiras e não cobram aluguel por isso, basta consumir! Lá eles tem cervejinha gelada, ótimas opções de comidas e petiscos! Recomendo!

O por-do-sol na praia principal é um cartão-postal! É uma das únicas praias do Brasil em que o sol se põe no mar e então a tradição é subir na Duna do Por do Sol (localizada a esquerda da praia) e após assistir a esse espetáculo natural, aplaudi-lo!

 

 

Restaurantes

A gastronomia de Jeri está cada dia mais evoluída. Sempre surgem novos restaurantes, com novidades e opções maravilhosas.

Na nossa primeira noite fomos no barzinho com música ao vivo Samba Rock Jeri. Um lugar muito gostoso para petiscar, conversar e sentir mesmo a vibe de praia de Jeri!

Mas, se você está afim de jantar e comer muito bem eu não posso deixar de recomendar: o Tamarindo! Gente, sério! Que delícia de restaurante! Nunca esqueço do risoto de cogumelos que eu comi. Era realmente excepcional! O preço era um pouco mais elevado, mas valeu cada centavo! Recomendo mesmo!

No fim da noite, a opção clássica é passear pelo centrinho, tomar um sorvete e fotografar no famoso letreiro: Amo Jeri!

Compartilhe com os amigos:
Comentários Fechados

  • Fortaleza: Beach Park
  • Hospedagem em Jericoacoara
  • Como chegar em Jericoacoara
  • 24 de outubro de 2017

    Olá viajantes! No post passado, eu expliquei detalhadamente as opções para chegar em Jericoacoara. Agora, depois dessa aventura que é conseguir chegar nesse paraíso, nada melhor do que relaxar em um hotel bem bacana e confortável, não é mesmo?

    Hospedagem:

    Elaborei uma imagem com o mapa dos Hotéis de Jericoacoara retirado do Booking para ajudar vocês a se localizarem melhor para escolher a sua pousada.

    Destacados em vermelho estão a Rua do Forró, e a Rua Principal, onde ficam grande parte das lojinhas e restaurantes de Jeri. Também destaquei a Duna do Por do Sol, que é onde provavelmente você irá bater cartão por volta das 16hs da tarde para apreciar o mais lindo espetáculo da natureza!

    Fiquei hospedada em Jeri por 4 diárias na Pousada Naquela Jericoacoara.  Ela está identificado em vermelho no mapa! Amei e super recomendo essa pousada. Como é possível ver, ela fica localizada na parte tranquila da Rua do Forró, a mais ou menos 400m da Praia Principal, onde fica a Duna do Por do Sol. Achei a localização excelente e bastante silenciosa! A pousada é super gostosa, possui uma piscina grande, uma área comum bem bonita e com um jardim incrível. Além disso, a pousada possui redes para descanso em cada uma das varandas, quartos e banheiros bem espaçosos e confortáveis! O café da manhã é uma delícia com tapiocas e omeletes feitos na hora! Os funcionários são super atenciosos e a limpeza da pousada é excelente. Recomendo de olhos fechados!

    Existem também muitas outras pousadas por lá. Tem as mais simples, mas tem também aquelas paradisíacas. Se o seu orçamento estiver – BEM – tranquilo, e se você estiver afim de muito luxo, o hotel mais famoso de Jeri é o Essenza Jericoacoara. Ele possui piscina em todas as varandas e fica localizado bem de frente pro mar. Mesmo que você não fique lá, vale a pena passar na porta para ver que coisa mais linda que é esse hotel. Um dia ficarei nele e virei aqui contar todos os detalhes, hein? 🙂

    Para dar uma olhada nesse mapa, e pesquisar outras pousadas use esse meu link do Booking. Assim eu ganho um bônus e você ajuda o nosso Blog, sem gastar nada a mais com isso! 🙂

    Compartilhe com os amigos:
    1 comentários

  • Fortaleza: Beach Park
  • Canoa Quebrada
  • Viagem pelo Ceará: Planejamento
  • 19 de outubro de 2017

    Jericoacoara – Jeri para os mais íntimos – é um dos lugares mais lindos e encantadores do Brasil!
    Com localização privilegiada, Jeri possui praias maravilhosas voltadas para o Oeste, fazendo com que o Sol se ponha bem no meio do oceano! Um pôr-do-sol desses forma uma paisagem incrível e muito difícil de se encontrar no Brasil, já que a maior parte de nossas praias são voltadas para o Leste. Esse espetáculo da natureza coroa essa maravilhosa vila de praia, e atrai muitos turistas anualmente!
    Além disso, Jeri conta também com lagoas cujas águas parecem o mar do Caribe, uma imensa área de vegetação preservada, mangues, fazendo com que o contato com a natureza seja inesquecível.
    Programem-se para passar uns dias por lá! Eu até hoje não entendo como que algumas pessoas aceitam fazer o passeio de bate-e-volta partindo de Fortaleza! Elas saem de madrugada, ficam 4 horas na estrada, dão uma olhada na praia e nas lagoas e vão embora antes do por-do-sol, o maior espetáculo de Jeri. Provavelmente é só para dizer que já foi para o lugar, mas de maneira nenhuuuuma pode-se dizer que conhece Jeri! Pegue seu caderninho, anote todas as dicas a seguir para programar sua viagem pra lá! Você não irá se arrepender!

    Como Chegar?

    Como chegar em Jericoacoara? Ô perguntinha que eu pesquisei muito antes de decidir qual seria o melhor jeito! Como eu já contei, eu fiz essa viagem em outubro de 2014 e nessa época o acesso até Jeri era bem difícil. Hoje em dia a Azul já está operando vôos diretos para lá, e então com certeza chegar nesse paraíso nunca foi tão fácil.
    Vou contar aqui as opções para chegar em Jeri, caso você já esteja fazendo um roteiro pelo Ceará, Fortaleza e queira também incluir passar uns dias em Jeri. Caso a intenção seja ficar apenas em Jeri, vocês perceberão que a recomendação principal é aproveitar e voar direto para lá.
    Para começar a distância entre Fortaleza e Jeri é de 301km. Você tem estrada asfaltada apenas até a Jijoca de Jericoacoara, a cidadezinha mais próxima e depois disso, para acessar Jeri você tem que percorrer um longo caminho pelas dunas. Isso mesmo, DUNAS –areia-bem-fina. rs

    Quando pesquisei na Internet vi que haviam várias opções recomendadas:
    (1) Fechar um traslado particular de 4×4 que te pega no hotel de Fortaleza e te leva até Jeri direto [prepare o bolso, tá?];
    (2) Pegar um ônibus fretado até a Jijoca, chegar lá e pegar uma “jardineira” que transporta até Jeri [prepare a paciência… de ônibus esse trajeto demora cerca de 7 horas];
    (3) Ir de carro até a Jijoca, deixar estacionado lá e pegar a “jardineira” [possibilidade que eu cogitei] ou
    (4) ir de carro até a Jijoca, contratar um guia local lá mesmo e ele dirige para você pelas dunas com o próprio carro alugado até Jeri [yeeh, a opção escolhida por mim, rsrs!].

    Entre as opções, acho que ela só não é mais barata do que a de ir de ônibus desde Fortaleza. Mas sem dúvidas é bastante confortável e ainda te dá uma ótima vantagem: estando de carro em Jeri e tendo o contato do guia, é possível fazer TODOS os passeios lá com o próprio carro alugado! Porém, como toda a cidade é de areia e não tem nada de asfalto, os turistas não podem dirigir por lá. Você deve contratar o guia para te levar para os passeios, e de noite o carro fica no estacionamento principal na entrada da cidade. Na época (out/2014) o valor foi de R$10,00 por dia. Para ir nos restaurantes e passear pela cidade a noite, não tem necessidade de estar motorizado: tudo no centrinho é fácil de fazer a pé e se hospedando em um hotel bem localizado você não terá problemas com isso!

    Outra vantagem que eu vi de ter feito essa opção de chegar em Jeri com o próprio carro é que fizemos umas paradas para aproveitar o dia da estrada e conhecer mais do litoral do Ceará. Paramos em Cumbuco, a 30 km de Fortaleza. Lá, contratamos um guia e com ele fizemos um passeio de cerca de 2 horas, passando por uma tirolesa muito divertida.

    Além disso, passeamos também pelas praias da região e paramos para almoçar em um lugar inesquecível: na beira da Lagoa do Cauipe. Lá a beleza do local, se misturava com as cores dos equipamentos dos kitesurfistas que praticam o esporte no local. Foi uma pausa deliciosa para um dia de estrada! Adorei! Foi uma opção bem bacana para chegar em Jeri, aproveitando o dia para conhecer um pouco mais do lindo litoral do Ceará! A única questão, porém, é que acabamos chegando em Jeri já a noite. Se você tem interesse em aproveitar logo em seu primeiro dia o fim de tarde em Jeri, já chegar assistindo o pôr-do-sol mais lindo do Brasil, recomendo que você já vá direto, sem muitas paradas! É isso ai pessoal, me contem aqui nos comentários como você chegou em Jeri! Existem outras opções? Alguém já foi de avião? Compartilha com a gente sua experiência!

    Compartilhe com os amigos:
    Comentários Fechados

  • Fortaleza: Beach Park
  • Fortaleza
  • Morro Branco
  • 17 de outubro de 2017

    Passar o dia no Beach Park é uma parada tão obrigatória para quem passa as férias em Fortaleza que ele merece um post só dele!
    O parque fica localizado a aproximadamente 30km de Fortaleza e vale a pena um dia inteiro se divertindo por lá. São inúmeros toboáguas, piscinas tradicionais, piscinas de onda além de uma piscina de correnteza que dá a volta em todo o parque! É delicioso ficar nela!!!!
    É um passeio para todas as idades e estilos. Tem tanto brinquedos dos estilos mais radicais quanto áreas muito lindinhas e divertidas para os pequenos!
    Para os mais corajosos não deixem de ir no Insano, a principal atração do parque: um toboágua de 40m de altura, equivalente a um prédio de 14 andares, em que você desce praticamente em queda-livre. É um friozinho na barriga delicioooso! Adoro! Fui várias vezes e recomendo!!! 
    Preparem as pernas pois para cada toboágua que você quiser brincar, você terá que vencer muitos e muitos lances de escada! Acho que só não fui mais no Insano por preguiça de subir tudo aquilo, rsrs! Me julguem, rsrs!!
    Para alimentação e compras dentro do parque, você deve fazer um cartão-consumo e colocar créditos para usar. Esse cartão vem com uma cordinha que você pode amarrar no pulso ou no pescoço e então você pode ir tranquilamente nos brinquedos sem se preocupar com dinheiro e com a bolsa, que você pode deixar no guarda volumes.
    Prestem atenção nos dias de funcionamento do parque na época que você for! Alguns dias da semana ele costuma fechar para manutenção! Cuidado para não ir até lá e dar de cara com ele fechado!
    O Beack Park além do parque aquático em si tem todo um complexo hoteleiro. Eu não fiquei hospedada nele para opinar, mas já li que viagens com crianças pequenas e com orçamento mais folgado vale muito a pena!
    A própria praia onde o Beach Park se localiza é muito linda e gostosa de ficar. É a Praia Porto das Dunas, cheia de coqueiros e com mar bem azul!
    Aproveitem muito o dia no parque! É realmente divertido e inesquecível!

    Compartilhe com os amigos:
    Comentários Fechados

  • Fortaleza
  • O que fazer em Jericoacoara?
  • Hospedagem em Jericoacoara
  • 17 de outubro de 2017

    Eu sou uma viajante que acaba sempre preferindo vilarejos, cidades menores de praia do que grandes capitais! Acho que talvez pelo fato de eu morar em São Paulo, uma cidade enorme, eu acabo preferindo fugir de muita badalação. Talvez eu também não seja culta o suficiente para city tours, rsrsrs! Enfim, eu gosto mesmo do contato com a natureza e as belezas naturais!

    Mas a cidade de Fortaleza me surpreendeu bastante! Adorei os dias que passei por lá!

    Ficamos 4 diárias em Fortaleza. Se você tiver pelo menos 3 dias inteiros nesta cidade vale a pena reservar 1 dia para o Beach Park, 1 dia para passear pela cidade, deixando pelo menos 1 dia também para relaxar e curtir a Praia do Futuro.

    Eu adorei a Praia do Futuro!! É uma praia com barracas super bem equipadas que tem até piscinas para os clientes! A CrocoBeach é a mais famosa, mas também a mais cara. Recomendo também a barraca ao lado, chamada Cuca Legal! Muito bacana com um serviço excelente!

    No dia do passeio pela cidade, não deixem de passear no Mercado Central, com ótimas opções de artesanato, comidas típicas, presentes e lembranças! Um passeio pela orla da praia de Iracema parando na Ponte dos Ingleses e na Ponte Metálica é super recomendado também!

    A noite não deixem de ir em shows de comédia do tipo stand-up que tem de monte em Fortaleza. Fomos no Chico do Carangueijo e além da comédia teve shows de músicas típicas e jantar. Tudo muito bacana!

    Há inúmeros restaurantes bacanas pela cidade. Fui em um restaurante com uns amigos que moram lá, nada turistico. Chama-se Quina do Feijão, e com certeza eu comi o melhor feijão verde de minha vida. Não deixem de experimentar! Para quem come peixe, há a opção de ir na Neide do Camarão, onde você compra o peixe na peixaria da porta e ela faz na hora para você (na época eu não era vegetariana e ainda comia, então foi provavelmente o peixe mais fresco que já comi na vida, rs).

     

    Hospedagem

    Durante o tempo que fiquei em Fortaleza passeando e curtindo a cidade, eu fiquei hospedada no Hotel Villa Mayor. Foi o hotel com mais cara de “pousadinha de praia” que eu encontrei em minhas pesquisas. Eu sempre prefiro esse estilo de hospedagem do que grandes hotéis, estilos prédios. Eu realmente recomendo esse hotel. Ele é super bem localizado, a uma quadra da praia, e bem próximo da feirinha de artesanato. Possui um café da manhã excelente, com tapioca feita na hora! O hotel possui uma piscininha muito gostosa, perfeita para relaxar no fim de tarde! 

    Como eu já contei pra vocês, depois de Fortaleza eu fui passar uns dias em Jericoacoara. Como a distância entre essas cidades é bastante grande e o tempo de viagem costuma demorar quase 4 horas, eu fiquei com medo de retornar de Jeri bem no dia de pegar o vôo de volta. Então, voltei um dia antes e me hospedei em um hotel muito bacana. Ele se chama Plaza Praia Suites e é realmente muito confortável, perfeito para um bom descanso pós viagem longa. Ele é estilo mais hotel de grande cidade, mas tem uma vista bonita para o mar e eu realmente gostei dele. Café da manhã excelente, serviço muito bom. Para quem curte esse estilo de hotel eu super recomendo!

    Se você estiver procurando outros hotéis e pousadas em Fortaleza, use esse meu link do Booking. Assim eu ganho um bônus e você ajuda o nosso Blog, sem gastar nada a mais com isso! 🙂

    Compartilhe com os amigos:
    Comentários Fechados

  • Fortaleza: Beach Park
  • Viagem pelo Ceará: Planejamento
  • O que fazer em Jericoacoara?
  • 17 de outubro de 2017

     

    Dando continuidade à série sobre as nossas férias no Ceará quero dar uma dica muito bacana sobre como aproveitar o dia do checkout de Canoa Quebrada na estrada rumo a Fortaleza.
    Estando de carro alugamos, temos a liberdade de aproveitar melhor os deslocamentos entre as cidadezinhas! Ao invés de encarar as duas horas de estrada direto, como foi feito na ida, acho muito interessante parar para conhecer a praia do Morro Branco, localizada na cidade de Beberibe. Essa praia fica exatamente no meio do caminho, a 80km de Fortaleza e 80km de Canoa Quebrada.
    Você pode parar por lá para dar uma descansada e almoçar em alguma barraca da praia. Além disso, um passeio imperdível que você deve aproveitar para fazer é o passeio de buggy pelo Monumento Nacional das Falésias. São paisagens lindas que nunca vi igual! Devido a erosão, as falésias formam labirintos de pedra, pelos quais você pode caminhar. Esses labirintos são formados por areias coloridas com até 12 tonalidades diferentes! É algo realmente muito lindo de se apreciar e o passeio por entre essas formações naturais proporcionarão um momento inesquecível da viagem e vocês poderão tirar fotos lindas!

    Os buggys também passam pelo centrinho de artesanato da região, onde você pode fazer umas comprinhas. Ele passa também pelo local onde foi gravada a novela “Final Feliz” da Globo (eu nem era nascida na época dessa novela, mas tudo bem, rsrsrs) e também por outras praias e dunas na região fazendo um passeio bem completo!
    É uma experiência muito bacana que fará você aproveitar melhor o seu dia de estrada! No final desse passeio, continuamos rumo a Fortaleza, cidade sobre a qual eu irei falar nos próximos posts!

    Compartilhe com os amigos:
    Comentários Fechados

  • Fortaleza
  • Hospedagem em Jericoacoara
  • Viagem pelo Ceará: Planejamento
  • 16 de outubro de 2017

    Dando continuidade à nosso Roteiro pelo Ceará, vou contar para vocês um pouco dos dias 01 e 02 do Roteiro que eu elaborei no post passado. Foram os dias que eu fiquei em Canoa Quebrada! Uma cidadezinha incrível!

    Chegamos pela manhã no aeroporto de Fortaleza e alugamos um carro com a empresa Asas RentaCar. Eles não possuem loja no aeroporto, mas eles levaram o carro para a gente no momento da chegada e foram lá retirar na data de devolução. Na época pagamos R$64,00/dia e valeu muito a pena em relação a todos os traslados que havíamos cotado. Com o carro, tivemos a liberdade de fazer todos os passeios com ele, inclusive a chegada em Jericoacoara e os passeios por lá (mas isso explicarei melhor em um próximo post).
    A distância de Fortaleza para Canoa Quebrada é de 161km e demoramos um pouco mais de 2 horas na estrada. A estrada é boa, e tem bastante radar de velocidade no caminho.

      Canoa Quebrada
    Canoa Quebrada, um vilarejo com menos de 5 mil habitantes. Como eu contei no post anterior, é muito comum pessoas fazerem passeios estilo bate-e-volta partindo de Fortaleza, mas na minha opinião não vale a pena. Acaba sendo um passeio corrido e você perde todo o encanto do lugar. O entardecer em Canoa Quebrada é uma delícia e a experiência de passear a noite pela única rua da cidade, a famosa Broadway, é sensacional.
    Ficamos 2 diárias lá e acho que foi um bom período para descansar a aproveitar bem essa cidadezinha.
    A beleza de Canoa Quebrada já impressiona assim que a gente chega!! A cidade é toda construída na parte alta das falésias e a praia fica bem abaixo. É lindo demais, pois praticamente de qualquer lugar que você estiver na cidade é possível de ver o mar!
    Ficamos na Pousada Tranquilandia Villagee e super recomendo! Como o próprio nome já sugere, a pousada é super tranquila, tem um delicioso café da manhã e tem uma piscina muito gostosa para ficar no fim de tarde. A pousada fica em mais de um terreno na cidade, então para sairmos do nosso quarto e ir a piscina ou tomar café, tínhamos que atravessar a rua! Muito bacana! A pousada possui também uma piscina de hidromassagem bem no alto, e então é delicioso ficar nela vendo o mar! O atendimento é excelente e os quartos são bem confortáveis.

    Passar o dia curtindo a praia de Canoa Quebrada é uma delícia! A praia possui quiosques com bastante estrutura e servem almoço, bebidas e porções deliciosas. Para os mais aventureiros tem a possibilidade de fazer o passeio de Parapente e sobrevoar toda a praia!
    A noite é muito gostoso passear na Broadway a rua principal, cheia de barzinhos, restaurantes, música ao vivo para todos os estilos e gostos! Recomendo o restaurante Rica Pancita, muito saboroso e ambiente agradável
    Eu realmente adorei essa cidadezinha! Pretendo voltar e ficar mais uns dias nesse pequeno paraíso do nosso lindo Nordeste!

    Se você estiver procurando outras pousadas em Canoa Quebrada, use esse meu link do Booking, pois assim eu ganho um bônus e você ajuda o nosso Blog, sem gastar nada a mais com isso! 🙂

    Compartilhe com os amigos:
    Comentários Fechados

  • Fortaleza
  • Hospedagem em Jericoacoara
  • Morro Branco
  • 16 de outubro de 2017

    Olá pessoal! Minha primeira série de posts aqui no blog vai seguir a ordem de posts que eu já fiz em minha página do instagram @alguemsabedabia e vai ser sobre a viagem que eu fiz em outubro de 2014 pelo Ceará. Foi um roteiro muito interessante passando por Canoa Quebrada, Fortaleza e Jericoacora que eu indico para todo mundo!
    Estabelecerei como padrão aqui no blog, de meu post inicial sobre cada destino ser sempre o meu roteiro da viagem, pois é a primeira coisa que eu costumo procurar na internet quando fecho um destino. Eu acredito que um bom planejamento, um bom roteiro faz com que você aproveite o máximo de cada lugar que você conhece!

    Para esse roteiro de viagem pelo Ceará, eu tirei 15 dias de férias e minha viagem durou 12 dias. Dividi minha hospedagem em 2 diárias em Canoa Quebrada, 4 diárias em Fortaleza, 4 diárias em Jericoacoara e depois mais 1 diária em Fortaleza (para não arriscar pegar o voo de volta no mesmo dia de retornar de Jeri que fica bem longe). Antes de colocar o roteiro dia a dia, gosto também de ter uma visão do mapa em minha mente, para facilitar o planejamento da viagem! Nesse caso, o roteiro em mapa ficaria assim:

    O roteiro dia a dia ficou assim:

    – Dia 01: Chegada no aeroporto de Fortaleza. Aluguel de carro – Rumo direto a Canoa Quebrada. Check in em Canoa Quebrada
    – Dia 02: Canoa quebrada – Praia
    – Dia 03: Check out de Canoa quebrada – Rumo a Fortaleza conhecendo as praias do caminho (Morro Branco) – Check in em Fortaleza
    – Dia 04: Fortaleza – Praia do Futuro
    – Dia 05: Fortaleza – Praia de Iracema, passeio pela cidade
    – Dia 06: Fortaleza – Beach Park
    – Dia 07: Check out Fortaleza – Rumo a Jericoacoara conhecendo as praias do caminho (Cumbuco) – Check in em Jericoacoara
    – Dia 08: Jericoacoara – Praia
    – Dia 09: Jericoacoara – Passeio pelas lagoas do Paraíso e Azul
    – Dia 10: Jericoacoara – Praia
    – Dia 11: Check out de Jericoacoara – passeio pelo mangue seco, travessia de volta pra Jijoca – Rumo a Fortaleza – Check in em Fortaleza
    – Dia 12: Check out Fortaleza – Passeio no Mercado Modelo – Voo de volta para SP!

    Eu achei que esse roteiro deu super certo! Ficamos tempo suficiente em cada um desses locais para conhecer bem! Caso você tenha menos tempo para visitar o Ceará, eu ficaria pelo menos uma diária em Canoa Quebrada, umas 3 diárias em Fortaleza e pelo menos 3 diárias em Jeri. Dessa forma, o roteiro fica um pouco mais enxugado, mas você conhece um pouquinho de cada um desses três locais. É muito comum as pessoas quererem fazer bate e volta pra Canoa e pra Jeri. Para Canoa é mais aceitável, mas você perde o mais gostoso da cidade: passear a noite pela ruazinha principal que contarei nos próximos posts. Já passeio em Jeri de bate e volta eu acho completamente impossível, apesar de algumas agencias promoverem: você sai de madrugada, passa 4 horas de ida, 4 horas de volta na estrada, perde o por do sol e não fica nem 8 horas nesse precioso destino. Não entrem nessa furada, hein?
    Bom, agora, após vocês terem uma ideia geral do roteiro dessa viagem que eu fiz, vou explicar nos próximos posts detalhadamente cada ponto de minha viagem, dando todas as dicas e ajudando em todo do planejamento! Não percam!

    Compartilhe com os amigos:
    Comentários Fechados

  • Morro Branco
  • Como chegar em Jericoacoara
  • Fortaleza: Beach Park